Alguns interessados desistem de investir em leilão pois não conseguem ver o bem de seu interesse. Devido ao grande número de perguntas de como fazer para visitar o bem levado a leilão, segue abaixo algumas informações pertinentes sobre o assunto.

Primeiro você deve ter em mente o TIPO DE LEILÃO e TIPO DE BEM que deseja visitar, pois o método de visitação irá variar de acordo com cada um deles. Pode parecer complexo, mas fique tranquilo que explicaremos cada um deles.

  • Bens de Leilão Judicial

Nesse caso, os bens podem estar sob a responsabilidade de guarda e depósito do réu, da leiloeira ou de outro depositário fiel até que sejam vendidos. Independentemente de quem estiver como depositário fiel, uma de suas obrigações é de exibir o bem aos interessados.

Quando essa obrigação não é cumprida de forma espontânea, é necessário que o Juiz intime o depositário para agendar data e horário para visitação, tendo em vista que não é permitido adentrar numa moradia ou empresa sem a autorização do proprietário ou ordem de um Juiz.

  • Bens de Leilão Extrajudicial

Os veículos e bens móveis diversos em Leilão Extrajudicial ficam armazenados no pátio da Leiloeira ou em local informado no Edital de Leilão. Vale ressaltar que também constará no Edital de Leilão a data e horário de visitação.

No caso de imóveis, as informações sobre visitação deverão constar no Edital de Leilão.

  • Bens de Leilão Particular

Neste caso, os bens sempre são disponibilizados para visitação, sendo que a data e horário são agendados com a Leiloeira.

Agora que já está familiarizado com o processo de visitação dos bens, clique aqui e veja nossos leilões disponíveis. Não perca nenhuma oportunidade.